20
Mar
09

Fábula Curta – Kafka

73667169

“Ai de mim!”, disse o rato, “o mundo vai ficando dia a dia mais estreito”.

“Outrora, tão grande era que ganhei medo e corri, corri até que finalmente fiquei contente por ver aparecerem muros de ambos os lados do horizonte, mas estes altos muros correm tão rapidamente um ao encontro do outro que eis-me já no fim do percurso, vendo ao fundo a ratoeira em que irei cair”.

“Mas o que tens a fazer é mudar de direção”, disse o gato, devorando-o.

*Traduzido por Torrerrieri Guimães


2 Responses to “Fábula Curta – Kafka”


  1. 1 Adua Nesi
    Março 28, 2009 às 10:06 pm

    Li alguns livros de Kafka, quando jovem, inclusive O Castelo que foi muito cansativo.
    São livros muito realistas para não dizer pessimistas. Dói muito só de lembrá-los.
    Atualmente evito. São fases de nossa vida.

  2. 2 Orbiano
    Setembro 22, 2009 às 9:58 pm

    Olha, realmente, muito boa a fábula. Nunca tive a oportunidade de ler um livro de Kafka, mas, tentarei fazê-lo.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: